Você está no assunto: Classes de palavras

Antes de estudar qualquer assunto, lembre-se de verificar se ele aparece em seu edital, ou se ele é útil para o seu caso. Nada mais improdutivo do que estudar o que não se deveria.

As classes de palavras, também conhecidas como categorias gramaticais, são fundamentais para o entendimento e a análise da língua portuguesa. Elas são agrupamentos que classificam as palavras de acordo com suas características morfológicas (forma) e sintáticas (função) dentro de uma frase. No português, tradicionalmente, identificamos dez classes de palavras, cada uma com suas particularidades e funções específicas. Vamos explorar cada uma delas:
  1. Substantivos: Palavras que nomeiam seres, lugares, sentimentos, conceitos, entre outros. São flexíveis em gênero (masculino e feminino), número (singular e plural) e grau (aumentativo e diminutivo). Exemplos: casa, amor, felicidade.
  2. Adjetivos: Qualificam ou caracterizam os substantivos, indicando aspectos como cor, forma, tamanho, entre outros. Concordam em gênero e número com os substantivos aos quais se referem. Exemplos: bela, rápido, inteligente.
  3. Pronomes: Substituem ou acompanham os substantivos, indicando sua posição em relação às pessoas do discurso (primeira, segunda ou terceira pessoa). Dividem-se em pessoais, possessivos, demonstrativos, indefinidos, interrogativos e relativos. Exemplos: eu, meu, este, alguém, que.
  4. Verbos: Expressam ações, estados, fenômenos da natureza ou processos, sendo a classe de palavras com a maior riqueza de flexões. Flexionam-se em tempo, modo, pessoa, número e voz. Exemplos: correr, estar, chover.
  5. Advérbios: Modificam verbos, adjetivos ou outros advérbios, expressando circunstâncias de modo, tempo, lugar, intensidade, entre outros. Exemplos: aqui, muito, ontem, rapidamente.
  6. Preposições: Palavras invariáveis que estabelecem relações entre dois ou mais elementos dentro da oração, ligando-os. Exemplos: de, para, com, por.
  7. Conjunções: Também invariáveis, conectam orações ou termos semelhantes dentro de uma mesma oração, estabelecendo relações de coordenação ou subordinação. Exemplos: e, mas, porque, se.
  8. Interjeições: Expressam reações emocionais ou estados de espírito de forma súbita e intensa, geralmente estando fora da estrutura sintática da frase. São invariáveis. Exemplos: ah!, ufa!, nossa!.
  9. Numerais: Indicam quantidades exatas ou a ordem dos seres em uma determinada sequência. Podem ser cardinais, ordinais, multiplicativos ou fracionários. Exemplos: um, primeiro, dobro, meio.
  10. Artigos: Definidos (o, a, os, as) e indefinidos (um, uma, uns, umas), determinam os substantivos, especificando-os ou generalizando-os. Concordam em gênero e número com o substantivo.

O que é adjetivo de relação? Dê pelo menos um exemplo.

Última atualização: 6 de março de 2024

Adjetivo de relação
Já vista

O que é adjetivo de estado? Dê pelo menos um exemplo.

Última atualização: 6 de março de 2024

Adjetivo de estado
Já vista
Adjetivo de característica
Já vista

O que é adjetivo de qualidade? Dê pelo menos um exemplo.

Última atualização: 6 de março de 2024

Adjetivo de qualidade
Já vista

Quais são os 4 tipos de adjetivos que a FGV gosta de cobrar?

Última atualização: 6 de março de 2024

Adjetivos que a FGV ama
Já vista

Faça sua pré-matrícula:

plugins premium WordPress